20 dias de cortesia

(Este post é antigo e não havia sido publicado, estava perdido entre rascunhos, mas é engraçado, então tá valendo.)

Passei cinco minutos e vinte e cinco segundos ao telefone com uma atendente (muito simpática, por sinal) da Folha de S.Paulo, que me ligou para oferecer os famigerados “20 dias de cortesia” de entrega, já que eu, um dia, fui assinante do jornal.

Tive que me conter em vários momentos para não rir da retórica dela e, em vez de ser grossa e desligar, resolvi ir até o final para saber como ela tentaria me convercer a receber a cortesia. Seguem alguns trechos da conversa (mas esclareço que em nenhum momento fui grossa com ela e vice-versa):

Logo que ela me ofereceu a cortesia e confirmou meu endereço, eu a interrompi:

  • EU: Mas depois da cortesia, eu já não vou receber um boleto pra continuar assinando?
  • ATENDENTE: Não, se a senhora não quiser continuar a receber o jornal, basta nos ligar entre o 1º e o 10º dias para cancelar… (interrompo)
  • EU: Não, prefiro não ligar e não receber a cortesia.
  • AT: Mas a senhora não gostaria de receber o jornal diariamente em sua casa durante 20 dias… (interrompo)
  • EU: Não, obrigada.
  • AT: Mas por qual motivo a senhora não quer receber a cortesia?
  • EU: Eu não tenho tempo pra ler o jornal inteiro.
  • AT: A senhora pode levar o jornal pra qualquer lugar e…
  • EU: Eu sei, mas leio as notícias na internet.
  • AT: Mas a senhora pode ler o jornal em qualquer lugar. No ônibus, mesmo se senhora tiver um laptop, não dá pra ler as notícias no laptop dentro do ônibus…
  • EU: Dá, se eu tiver um modem 3G…
  • AT: Mas ninguém abre um laptop num ônibus, correndo o risco de ser assaltado, não é mesmo?
  • EU: É verdade…
  • AT: Então, a senhora pode ler o jornal no ônibus…
  • EU: Só não dá pra abrir o jornal…
  • AT: (risos) É, só se o ônibus não estiver lotado.
  • EU: Pois é, mas então, eu não gostaria da cortesia, obrigada.
  • AT: Mas a senhora não quiser continuar a receber, só precisa nos ligar… (interrompo)
  • EU: Não, eu não quero receber, já estou falando.
  • AT: A senhora costuma recusar presentes de amigos?
  • EU: Sim, se forem me dar trabalho…
  • AT: A senhora sabe que agora estamos trabalhando sob a “lei do 1 minuto”, então se a senhora nos ligar, um atendente irá atendê-la em um minuto… (interrompo)
  • EU: Não, mas eu não quero a cortesia…
  • AT: Que outros meios a senhora usa para se manter informada, fora a internet?
  • EU: Nenhum.
  • AT: A senhora é assinante do Uol?
  • EU: Não.
  • AT: Então, a senhora deve saber que tem matérias que são fechadas para assinantes… (interrompo)
  • EU: Eu tenho a senha de um amigo.
  • AT: Ahn. Mas não vejo motivos pra senhora não receber a cortesia.
  • EU: E eu não vejo motivos pra receber a cortesia.
  • AT: Mas não tem mais ninguém na casa da senhora que gostaria de receber a cortesia?
  • EU: Não, acho que não.
  • AT: Então tá bom, senhora Érica, obrigada pela atenção.
Anúncios

Um comentário em “20 dias de cortesia

  1. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk nossa, véi kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk q engraçado

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s