50 anos de Miojo

Era uma vez um senhor nascido em Taiwan, chamado Momofuku Ando, que teve uma idéia brilhante baseada em uma triste observação. Durante a Segunda Guerra Mundial, Momofuku via todos os dias enormes filas de japoneses tentando comprar um prato de macarrão nas barracas de “ramen” (“macarrão”, também chamado de “lamen”) espalhadas por todo Japão. Momofuku pensou, então, que talvez pudesse inventar algum modo para que as pessoas pudessem comer seu prato favorito em qualquer lugar, sem ter que ficar esperando pelo cozimento da pasta.

Hoje, 50 anos após o sucesso da invenção do sr. Ando, provavelmente não há quem nunca tenha comido o famoso miojo, que “fica pronto em 3 minutos”.

Momofuku Ando faleceu em janeiro de 2007. A Revista Piauí publicou uma matéria sobre como surgiu a invenção e como ela revolucionou o mundo – o mundo culinário dos preguiçosos, pelo menos. Leia a matéria e saiba um pouco mais sobre a trajetória de vida da mente por trás do seu miojo de todo dia – e de todas as emergências.

Momofuku Ando. Foto: AFP/Getty Images

P.s.: a matéria da Piauí diz que o miojo “custava seis vezes mais do que o macarrão fresco oferecido em todas as esquinas do país“. Já a página oficial da Nissin-Miojo, fabricante do produto, que fez um site especial para a comemoração da data, diz que o ramen tinha “um custo a 1/6 do macarrão fresco“. Sou eu quem interpretou as frações errôneamente ou os dados se contradizem?

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s